Começa domingo (24/abril) a Campanha dos 50 dias de Jejum e Oração com Propósitos


Fonte: ADI

50 dias de oração de jejum

24 de abril a 12 de junho de 2011

1. Porque 50 dias?

O capítulo 2 de Atos dos Apóstolos é a certidão de nascimento da Igreja cristã. A igreja de Cristo foi estabelecida com o advento do Espírito Santo no 50º dia, após a ressureição de Jesus, durante a celebração judaica do 50º dia em Jerusalém, por isso o pentecoste é considerado o dia do nascimento da Igreja. A ascensão de Jesus aconteceu no 40º dia após a páscoa. O pentecoste veio no 10º dia após o advento de Jesus.

Pentecostes é o símbolo do Cenáculo, onde os Apóstolos se reuniram, pela primeira vez, à espera do Espírito Santo. No Cenáculo, desde a fundação, a comunidade cristã aí se reúne, para ser conduzida pelo Sopro Inspirador, compartilhando o amor em Cristo. Atualmente o 50.º dia após a Páscoa é considerado pelos cristãos o dia de Pentecostes. Pentecostes é quando o Espírito Santo visita os apóstolos e desce sobre eles.  Fonte: Bíblia (NVI, versão).

Ao realizarmos a campanha de 50 dias de jejum e oração estaremos relembrando um período que marca a historia do cristianismo, desde a ressurreição de Jesus até a descida do Espírito Santo, como guia e consolador, para continuar a missão divina através dos discípulos.

Para cada dia estabelecemos um propósito ministerial relacionado a igreja do Senhor Jesus e cada pessoa individualmente poderá estabelecer um propósito pessoal, ou seja, dois propósitos diários (pessoal e ministerial).

2. Porque orar?

“SE o meu povo,que se chama pelo meu nome , se humilhar, e orar, e me buscar ,e se converterdos seus maus e me buscar, e se converter dos seus maus caminhos, então,eu ouvirei dos céus, perdoarei os seus pecados e sararei a sua terra!” 2 Cr 7.14

A oração prepara o caminho do coração para Deus realizar sua vontade através do homem.

A oração é um diálogo aberto entre homem e Deus. Na medida que oramos conhecemos a mente de Deus e cumprimos seus desígnios

A oração nos fortelece e protege contra as investidas do adversário.

A oração não é mero formalismo, não significa falar em alta voz, não é repetitiva como a reza, não é castigo ou penitência. Mas, uma via de mão dupla e através dela o crente chega à presença de Deus e Ele vem ao seu encontro (Jeremias 33.3).

A oração respondia é aquela que traz consigo uma fé verdadeira, que está em harmonia com a vontade de Deus e seu caráter, que objetive amar, honrar e agradar a Deus, e que seja perseverante (Mateus 7.7-8; Colossenses 4.2; I Tessalonicenses 5.17; Salmos 40.1)

3. Porque Jejuar?

O objetivo do jejum é honrar a Deus (Isaias 58.3-7; Mateus 6.18); humilhar-se perante o Senhor (Salmos 35.13; II Samuel 12.16; Neemias 9.1-3; Joel 2.12); capacitação e preparação para enfrentamentos de batalhas espirituais (Mateus 4.1-3, 17,21).

Quem faz jejum não deve comentar com as pessoas sobre seu voto (Mateus 6.18). O jejum vem acompanhado de quebrantamento (Salmos 69.10; Neemias 9.1) e vem sempre acompanhado de orações (Salmos 35.13; Atos 13.3).

Não existe um tempo determinado para o jejum, o que importa são suas características bíblicas (Daniel 9.3-19), quebrantamento, arrependimento e súplicas.

A palavra jejum significa abstinência, privação de alimento ou coisas. O jejum pode ser de alimento ou outras coisas que necessitam ser tratadas em sua vida, exemplo: televisão, internet, determinados alimentos (guloseimas, etc…) que fazem mal ao seu corpo que é o templo do Espírito Santo.

O jejum não é uma obrigação, mas um recurso espiritual que garante mais comunhão com Deus e preparação para o enfrentamento de batalhas espirituais. O nosso maior exemplo é Jesus que jejuava sempre (Mateus 9.14-15; Lucas 5.33-35)

Ao jejuar o cristão está dizendo a si mesmo que seu espírito é mais forte que a sua carne. O jejum é o atestado de controle que o espírito exerce sobre sua natureza humana.

4. Quanto tempo eu devor orar diariamente?

A Bíblia declara que devemos orar sem cessar, mas isso não significa prostar-se de joelhos as 24 horas do dia. O tempo de oração depende do modo como você irá apresentar os propósitos diante de Deus. Observe o que Jesus disse em Mateus 6.7,8: “E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios, que pensam que por muito falarem serão ouvidos. Não vos assemelheis, pois, a eles; porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes de vós lho pedirdes.”

Se você sentir que 15 minutos são suficientes para dedicar-se em oração aos propósitos do dia, será suficiente. Mas, se entender que precisa dedicar mais tempo de oração aos mesmos propósitos, faça segundo o teu coração. O importante é sua fé diante de Deus

5. Eu preciso vir ao Templo para orar nos dias durante os 50 dias de campanha?

Seria maravilhoso se pudéssemos viver como os cristãos primitivos que não saiam do templo e partilhavam tudo em comum, mas essa não é a nossa realidade. As pessoas enfrentam inúmeros compromissos diários e, às vezes, não tem tempo para estar com maior freqüência no templo. Sobre a oração Jesus deixou um exemplo em Mateus 6.6: “Mas tu, quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que te vê em secreto, te recompensará publicamente.”

6. Quais são os propósitos pessoais pelos quais devo orar?

Faça uma lista com nomes de pessoas que conhece e que gostaria de orar por elas, depois escreve ao lado de cada nome quais as áreas da vida dessas pessoas que pretendem apresentar a Deus em oração;

Do mesmo escreve uma lista com áreas de sua vida que necessitam de oração e intervenção divina. Exemplo: família, trabalho, educação, saúde, ministério, etc…

Feito a lista procure enumerá-las, se passar de 50 itens, coloque dois ou mais itens similares em oração no mesmo dia. Se ainda não tiver 50 itens em sua listam, refaça-a lembrando de detalhes importantes para orar, certamente sua lista irá passar de 50 itens.

7. Quais são os propósitos ministerias pelos quais irei orar e jejuar?

Acompanhe pela agenda diária da ADI no site a relação de propósitos ministeriais para orarmos. As pessoas cadastradas no sistema de membros e visitantes da igreja receberão semanalmente a relação dos propósitos para orar. Também serão distribuídas cópias com as relações de propósitos nos cultos da ADI a partir de 24 de abril.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s