A língua é o nosso espelho


 “Se você não quer se meter em dificuldades, tome cuidado com o que diz.” NTLH (Pv 21.23)

“O que guarda a boca e a língua guarda a sua alma das angústias.” RA

Ver ainda Tiago 3.1-12

1 Meus irmãos, somente poucos de vocês deveriam se tornar mestres na Igreja, pois vocês sabem que nós, os que ensinamos, seremos julgados com mais rigor do que os outros.

2 Todos nós sempre cometemos erros. Quem não comete nenhum erro no que diz é uma pessoa madura, capaz de controlar todo o seu corpo.

3 Até na boca dos cavalos colocamos um freio para que nos obedeçam e assim fazemos com que vão aonde queremos.

4 Pensem no navio: grande como é, empurrado por ventos fortes, ele é guiado por um pequeno leme e vai aonde o piloto quer.

5 É isto o que acontece com a língua: mesmo pequena, ela se gaba de grandes coisas.

Vejam como uma grande floresta pode ser incendiada por uma pequena chama!

6 A língua é um fogo. Ela é um mundo de maldade, ocupa o seu lugar no nosso corpo e espalha o mal em todo o nosso ser. Com o fogo que vem do próprio inferno, ela põe toda a nossa vida em chamas.

7 O ser humano é capaz de dominar todas as criaturas e tem dominado os animais selvagens, os pássaros, os animais que se arrastam pelo chão e os peixes.

8 Mas ninguém ainda foi capaz de dominar a língua. Ela é má, cheia de veneno mortal, e ninguém a pode controlar.

9 Usamos a língua tanto para agradecer ao Senhor e Pai como para amaldiçoar as pessoas, que foram criadas parecidas com Deus.

10 Da mesma boca saem palavras tanto de agradecimento como de maldição. Meus irmãos, isso não deve ser assim.

11 Por acaso pode a mesma fonte jorrar água doce e água amarga?

12 Meus irmãos, por acaso pode uma figueira dar azeitonas ou um pé de uva dar figos? Assim, também, uma fonte de água salgada não pode dar água doce.

Tiago declarou: “Todos nós sempre cometemos erros. Quem não comete nenhum erro no que diz é uma pessoa madura, capaz de controlar todo o seu corpo.” (v.3)

 

PERGUNTAS:

  1. Quem nunca fez uma fofoca?
  2. Quem nunca disse mal de alguém?
  3. Quem nunca murmurou?
  4. Quem nunca disse uma mentira ou mentirinha só pra livrar sua barra?
  5. Quem nunca magoou outra pessoa com palavras?
  6. Quem nunca se arrependeu de uma palavra que disse a alguém?
  7. Quem nunca falou sem pensar?

Tiago inicia o capítulo 3 chamando a atenção para alguns irmãos que queriam ser mestres e poder usufruir de uma posição de destaque perante a congregação para ensinar os outros irmãos.

Ele chama a atenção para o perigo que correm aqueles que falam desenfreadamente, pois podem cometer erros graves.

É POSSÍVEL CONTROLAR A LÍNGUA?

O uso indisciplinado da língua é um dos maiores problemas de relacionamento entre as pessoas. A igreja de Corinto sofria inúmeros problemas por causa das brigas entre seus membros, pelo que Paulo escreve: “Irmãos, peço, pela autoridade do nosso Senhor Jesus Cristo, que vocês estejam de acordo no que dizem e que não haja divisões entre vocês. Sejam completamente unidos num só pensamento e numa só intenção.” (I Co 1.10 NTLH)

Pedro também advertiu acerca do mesmo problema e ofereceu a solução para uma vida longa e abençoada: “Como dizem as Escrituras Sagradas: “Quem quiser gozar a vida e ter dias felizes não fale coisas más e não conte mentiras.” I Pd 3.10 NTLH

Jesus nos advertiu sobre esse tema: “Eu afirmo a vocês que, no Dia do Juízo, cada pessoa vai prestar contas de toda palavra inútil que falou. Porque as suas palavras vão servir para julgar se você é inocente ou culpado” (Mt 12.36,37)

A língua não pode ser domada pela natureza humana (Tg 3.8).

A nossa linguagem expressa nossos pensamentos. O que falamos revela quem nos domina: natureza humana ou divina

Controlar a língua é um processo que exige atenção diária, equilíbrio e vida cristã intangível. Ao domar a língua, damos testemunho que o Espírito Santo está no controle de nossa natureza humana.

 

AS PALAVRAS REVELAM SEU CARÁTER“Conhecemos os metais pelo som que produzem e os homens por aquilo que falam” (Thomas Brooks)

A nossa língua é como um auto falante de nossas emoções (negativas e positivas); nós falamos aquilo que está no coração (Mt 12.34). Portanto, se tivermos a mente de Cristo, certamente iremos falar e agir como Ele agiria.

Se nós somos o que pensamos e o que pensamos talamos, então concluímos que nossas palavras revelam o tipo do nosso caráter. O conteúdo das nossas conversas irá dizer que tipo de pessoa nós somos.

PALAVRAS REVELAM O NÍVEL DA NOSSA MATURIDADE – capacidade para assumir responsabilidade (Hb 12.15)

Uma pessoa imatura e amargurada contamina outras pessoas suas palavras e provoca uma influência negativa. As palavras revelam nosso estado emocional e se estamos com o coração limpo (Mt 5.8)

Quando a conversa flui negativamente, carregada de malícia e impurezas, temos uma clara demonstração que a pessoa está enferma espiritualmente (Mt 15.19,20a).

Os sábios sempre dizem boas palavras“As palavras do falador ferem como pontas de espada, mas as palavras do sábio podem curar.” (Pv 12.18 NTLH)

 

QUAL A INFLUÊNCIA DA LÍNGUA NO SEU COTIDIANO? “Palavras… são boas apenas quando são melhores do que o silêncio”. (Richardn Sibbes)

Uma palavra dita erroneamente é capaz de gerar crises com perdas morais, espirituais, sociais e financeiras incontáveis,. “As palavras dos maus destroem os outros, mas a sabedoria livra do perigo os homens corretos.” Pv 11.9 NTLH

Palavras más são como veneno mortal. Seus efeitos podem ser tão nocivos quanto uma picada de cobra. Certa pessoa afirmou: “Senhor, torna minhas palavras graciosas e ternas, pois quem sabe amanhã eu precise engoli-las”

Palavras pode ser a pior forma de torturar uma pessoa impiedosamente. “Uma das primeiras coisas que acontece quando alguém está realmente cheio do Espírito não é falar em línguas, mas, sim, aprender a dominar a língua que já tem” (J. Sidlow Baxter).

As palavras não são esquecidas. Portanto, precisamos tomar o cuidado, pois nem sempre devemos falar o que pensamos: se eu falar o que é falso, preciso responder por aquilo; se falar a verdade, ela responderá por mim (Thomas Fuller).

COMO IDENTIFICAR OS PROBLEMAS RELACIONADOS COM A LÍNGUA? As palavras são conteúdo da mente (Sêneca)

Como saber se estamos disciplinados quanto a nossa língua? Olhando para a Palavra de Deus, como quem olha para o espelho (João 8.32). Evitando participar de grupos ou envolver-se com pessoas com a língua indisciplinada, exemplo:

Zombadores. Critica os defeitos das pessoas, faz piadinhas maldosas, vê erros em todo mundo – Pv 13. NTLH – “o que zomba de tudo nunca reconhece que está errado”.

Fofoqueiros – Falam de coisas que não viram, inventam situações, são falsos – “Não espalhe notícias falsas e não minta no tribunal para ajudar alguém” – Ex 23.1 NTLH

Intrometido. “Se algum de vocês tiver de sofrer, que não seja por ser assassino, ladrão, criminoso ou por se meter na vida dos outros.” I Pd 4.15 NTLH

Difamadores. “especialmente aqueles que, seguindo a carne, andam em imundas paixões e menosprezam qualquer governo. Atrevidos, arrogantes, não temem difamar autoridades superiores”. II Pd 2.10 NTLH – O que leva uma pessoa difamar o outro? Inimizades, porfias e ciúmes.

Murmuradores – Os murmuradores contra Moisés e Arão pecaram contra o Senhor: “As vossas murmurações não são contra nós, e sim contra o Senhor” Ex 16.8b NTLH – Quem vive com espírito de murmuração, reclamando de tudo, fecha o céu e abre o inferno para assistir a sua vida. Mas quem vive com espírito de gratidão, fecha o inferno e abre o céu para assistir a sua vida: “Nem murmureis, como alguns deles murmuraram e foram destruídos pelo exterminador.” I Co 10.10 NTLH

PraguejadoresPalavras de ofensas ditas por alguns cristãos: Arrependo-me de ter casado com você; Você é uma cruz para mim; Quando você casar, sua vida será um inferno; Esta casa é um inferno; Que o diabo te carregue; Que vida desgraçada é a minha; Seu diabinho, capetinha; Quero que você morra; Estes filhos são pragas; Seu besta; Seu burro; Imbecil; meu filho é um mariquinha; minha filha é sapatão. Muitas pessoas vivem uma péssima qualidade de vida por causa dos pecados cometidos através da língua: A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto.” Pv 18.21 NTLH

Nós colhemos o que plantamos em forma de palavras. Nossas palavras são sementes que estão sendo semeadas. O que eu planto hoje é o que vou colher amanhã.

 

PORQUE A BÍBLIA SE PREOCUPA EM ADVERTIR-NOS ACERCA DA LÍNGUA?

Nossas palavras podem trazer consequências eternas: “Eu afirmo a vocês que, no Dia do Juízo, cada pessoa vai prestar contas de toda palavra inútil que falou. Porque as suas palavras vão servir para julgar se você é inocente ou culpado.” Mateus 12.36,37 NTLH

Devemos evitar falar sobre assuntos alheios. Spurgeon declarou: Não creia em metade do que você ouve; não repita metade do que você crê; quando ouvir uma notícia negativa, divida-a por dois, depois por quatro, e não diga nada sobre o restante dela”.

DEVEMOS TER NOSSA LÍNGUA SOB O CONTROLE DO ESPÍRITO SANTO

As palavras são como penas levadas ao vento. Façamos um balanço diário daquilo que falamos ao longo do dia, para ver se não estamos ferindo mais do que restaurando e edificando com nossas palavras – “A disciplina da língua depende de um exercício contínuo e muito autocontrole. Vencer a tentação de falar da vida alheia deve ser nosso objetivo sempre.”

Impossível haver saúde em nossas conversas, se não houver frutos espirituais em nossas vidas. O salmista Davi (Sl 15.2,3 NTLH) fala que o cidadão dos céus “vive com integridade, e pratica a justiça, e, de coração, fala a verdade; o que não difama com sua língua, não faz mal ao próximo, nem lança injúria contra o seu vizinho”.

Só existe um meio para dominarmos a língua, se enchendo do Espírito Santo. Quando estamos revestidos de Deus, nosso caráter se transforma, o resultado é uma vida que glorifica a Deus em tudo.

Se a boca fala do que o coração tá cheio, imagine um coração cheio do Espírito Santo? Ef 5.19-20 “falando entre vós com salmos, entoando e louvando de coração ao Senhor com hinos e cânticos espirituais, dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo”.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s