Sete vezes cairá o justo e se levantará


“porque sete vezes cairá o justo e se levantará”(Pv 24.26)

 CRENTES A PROVA DE FRACASSOS:

 É COMUM AS PESSOAS SENTIREM DUVIDAS SOBRE POSSIBILIDADES DE ERROS. Um exemplo claro disso é a parábola dos talentos (Mateus 25.24,25). O servo escondeu seu talento porque teve medo de fracassar, do mesmo modo que pessoas escondem suas habilidades por medo errar.

OUTRO FATOR QUE LEVA AS PESSOAS DESISTIREM É O FRACASSO PROVOCADO PELOS NÚMEROS. Quantas vezes eu errei? Será que vale a pena tentar mais uma vez? Várias pessoas que venceram na vida somente obtiveram êxito após inúmeras tentativas, uma ilustração interessante cita que: alguns cientistas decidiram testar cinco chipanzés colocando-os numa jaula e no topo dela um cacho de bananas, quando algum macaco tentava alcançar o cacho recebia um jato de água fria, após inúmeras tentativas não houve quem tentasse arriscar pegar as bananas, pois toda vez que um membro do grupo tentava fazê-lo os outros colegas lhe batiam. Os cientistas resolveram substituir um a um dos macacos e sempre que o novo membro do grupo tentava pegar as bananas os outros lhe batiam, após todos serem substituídos ficaram na jaula apenas macacos que nunca tinham recebido um jato de água, mas que batiam em qualquer um que tentasse pegar as bananas. Se fosse permitido perguntar aos macacos porque batiam em alguém que tentasse pegar o cacho certamente diriam: “não sei, as coisas sempre foram assim por aqui…”

HÁ OUTRO GRUPO DE PESSOAS QUE DESISTEM SIMPLESMENTE PORQUE ACREDITAM QUE FORAM DESTINADOS AO FRACASSO. O exemplo mais claro que temos na bíblia é de Mefibosete, após a perda da família ele passa a viver como um mendigo até o dia em que Davi o chama e diz que iria restituir todos os bens de sua família e que ele deveria comer à mesa com o Rei.  O que parecia uma honra para os outros foi uma vergonha para Mefibosete, conforme descreve II Samuel 9.8, “Quem é teu servo, para teres olhado para um cão morto tal como eu?” (II Samuel 9.8). Existem pessoas que não vencem na vida simplesmente porque têm a miséria como condição de vida, por essa razão não se esforçam para mudar sua posição social, moral e espiritual.

VERDADES SOBRE O FRACASSO

1º.   VOCÊ VAI FRACASSAR. Sejamos sinceros nesse ponto. Só vence quem batalha e o fracasso também faz parte da vida, o fato de você cair não significa que permanecerá caído, veja o que o apostolo Paulo diz sobre o assunto: “Em tudo somos atribulados, porém não angustiados; perplexos, porém não desanimados; perseguidos, porém não desamparados; abatidos, porém não destruídos” – II Coríntios 4.8,9. O fracasso auxilia no nosso desenvolvimento e crescimento pessoal, quando somos confrontados naquilo que almejamos descobrimos novos tesouros, novas oportunidades que até então estavam escondidas por causa da nossa visão focada num objetivo apenas. Se você não quer fracassar aceite meu conselho, vá para casa se tranque em seu quarto e não saia de lá jamais, mas se deseja ser um vencedor assuma os melhores riscos e conquiste grandes vitórias.

2º.   O FRACASSO COSTUMA SER O PREÇO QUE SE PAGA PELO CRESCIMENTO PESSOAL. Uma pergunta intrigante: Davi foi um vencedor em todos os aspectos da sua vida? Se alguém respondeu que sim, errou. Vejamos o exemplo de Absalão, um filho rebelde, que se atreveu lutar contra o própria pai pela disputa do trono (II Samuel 15 e 16), ouve também um caso de incesto na família envolvendo seus dois filhos Amom e Tamar (II Samuel 13.1ss) e um caso de homicídio entre irmãos, Absalão matou Amom. O que quero dizer com isso é que nem mesmo as vidas dos grandes homens de Deus ficaram imunes ao fracasso em algumas áreas, mas certamente foram vencedores naquilo que propuseram fazer como missão de vida. Talvez você esteja preocupado em demasia querendo resolver os problemas mundiais de fome, guerra, desemprego, desajuste familiar e muitas outras coisas que ocorrem ao nosso redor, mas lembre-se de fixar o foco no que considera importante para você e batalhe pela Vitória ainda que tropece no caminho o Senhor Deus te dará forças para vencer.

3º.    O FRACASSO É UMA CIRCUNSTÂNCIA, nunca uma característica pessoal. Os grandes homens de Deus fracassam em algum momento de suas vidas, mas decidiram lutar, mudar o foco, arriscar novamente até que alcançaram o almejado. Imagine você o que aconteceria se Abraão tivesse desistido da promessa, Davi desistisse da unção real sobre ele por causa das ameaças de Saul, Rute abandonasse sua sogra Noemi num momento de fracasso, Cristo desistisse da cruz, Paulo desistisse de pregar o evangelho.

4º.   DEUS COSTUMA REALIZAR GRANDES COISAS, A PARTIR DOS NOSSOS FRACASSOS. As pessoas aprendem muito mais por intermédio de seus erros do que aprenderia se fosse bem sucedido. Quando aceitamos nossos erros diante de Deus ele nos reveste com sua graça e poder e nos garante a vitória. O erro de Pedro ao negar Jesus o fez confessá-lo mais adiante e assumir seu papel diante da Igreja (Mateus 26.69-74; João 21.15-17).

5º.   EXPERIÊNCIA, UMA FORÇA MAIS PODEROSA QUE O FRACASSO. Quando paramos de olhar para o fracasso como um gigante invencível ou como um obstáculo a ser sobrepujado, avançamos sem temer, e quando caímos diante das dificuldades e nos levantamos adquirimos experiência na arte de vencê-lo. “E não somente isto, mas também nos gloriamos nas próprias tribulações, sabendo que a tribulação produz perseverança; e a perseverança, experiência; e a experiência, esperança” (Romanos 5.3-4); “Tanto sei estar humilhado como também ser honrado; de tudo e em todas as circunstâncias, já tenho experiência, tanto de fartura como de fome; assim de abundância como de escassez; tudo posso naquele que me fortalece” (Filipenses 4:12).

6º.   COM DEUS VOCÊ PODE VENCER O FRACASSO – Pense numa luta de boxe onde o lutador cai inúmeras vezes, mas se levante e no último round nocauteia seu adversário, ou seja, ser derrubado não significa que a pessoa foi nocauteada, é possível cair e se levantar para vencer. Assim ocorre conosco quando estamos debaixo das asas do altíssimo (Salmos 91.4), ainda que no último round de nossa vida o Senhor nos dará forças para vencer , seja forte como Calebe “Eis, agora, o SENHOR me conservou em vida, como prometeu; quarenta e cinco anos há desde que o SENHOR falou esta palavra a Moisés, andando Israel ainda no deserto; e, já agora, sou de oitenta e cinco anos. Estou forte ainda hoje como no dia em que Moisés me enviou; qual era a minha força naquele dia, tal ainda agora para o combate, tanto para sair a ele como para voltar”(Josué 14.7-14).

7º.   CORRA OS RISCOS PELA FÉ, pare com os pensamentos do “e se eu….”. No reino de Deus agimos como o apostolo Paulo “tudo posso naquele que me fortalece” (Filipenses 4:13), não existe meio termo, marchamos sempre pela fé confiantes em Deus. Aleluias.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s