Profetiza… Igreja Profetiza…


igreja... profetiza

 

Ezequiel 37.1-10 NTLH

A visão do vale de ossos secos é um retrato da triste realidade que atravessa a igreja em vários lugares. Como o exército de ossos, a igreja está no vale seca, sem vida, sem espírito.

 

1.      QUEM LEVOU EZEQUIEL AO VALE DE OSSOS SECOS?

Não foi a sua vontade pessoal, mas o Espírito do Senhor que o fez andar pelo vale ao redor dos ossos. Eles eram numerosos, mas não tinham vida. Portanto, não tinha qualquer valor.

A vontade de Deus era dar vida aos ossos. Para isso, era necessário um homem – Ezequiel, que profetizasse sobre o vale, a boca do profeta seria o canal que Deus usaria para liberar o Espírito de vida naqueles ossos.

Deus procura por essa pessoa que se coloque na brecha para ser usada – Ezequiel 22.30 “E busquei dentre eles um homem que levantasse o muro, e se pusesse na brecha perante mim por esta terra, para que eu não a destruísse; porém a ninguém achei”.

A palavra profética tinha que ser liberada (v. 4-7). Não era qualquer palavra, ela tinha que ter autoridade, propósito e ser conforme o Senhor ordenou. Que tipo de palavra profética nós temos liberado sobre nossas vidas, famílias, igreja, etc.?

Profetiza Ó filho do homem2.      UMA PALAVRA PROFÉTICA PODEROSA, INSPIRADA PELO SENHOR:

Ossos secos, ouvi a Palavra do Senhor – A mensagem começa com um chamado para que ouçam a Palavra que será dita. A falta de ouvir a Palavra de Deus leva a morte;

Eis que vou fazer entrar em vós o fôlego da vida e vivereis – A primeira promessa diz que haverá nova vida, ele não profetizou dizendo que devolveria o mesmo fôlego àqueles ossos, mas que o Senhor enviaria do seu espírito trazendo vida;

E Porei nervos sobre vós, e sobre vos estendereis pele, e porei em vós o fôlego de vida, e vivereis – Não existe vida quando há apenas ossos, era necessário que toda a estrutura fosse reformada para que o Espírito pudesse trazer a vida;

Então sabereis que eu sou o Senhor. A ressurreição daquele exército era um sinal do mover de Deus. Nenhum homem poderia devolver-lhes a vida, somente o Senhor poderia fazê-lo. Quem enxerga com os olhos naturais vê apenas um vale de ossos sem vida, mas quem profetiza pelo Espírito do Senhor contempla a vida.

Enquanto caminhava o profeta anunciava a Palavra do Senhor em meio ao vale de ossos secos, logo coisas sobrenaturais começaram a acontecer, não foi uma ação imediata, mas gradativa.

A igreja precisa profetizar vida, os líderes, pastores devem anunciar a Palavra do Senhor que traz a vida. O diabo tem sufocado a palavra profética em muitos lugares, quando a igreja deixa de profetizar, o sobrenatural deixa de acontecer.

3.      COISAS ACONTECEM QUANDO PROFETIZAMOS:

Houve um barulho (ruído) – Toda mudança começa com pequenos ruídos. Enquanto profetizava o profeta começou a ouvir ruídos de que algo estava acontecendo. Imagem a cena, para alguns seria assustador ou temeroso, o ruído era sinal de que algo sobrenatural estava para acontecer.

Houve um rebuliço – O profeta percebe que os ossos estão se movimentando, como em um filme de terror os ossos estão saindo de um lugar para outro buscando sua complementação. Algumas situações que estão ocorrendo nas igrejas ao redor do mundo é um sinal de que Deus está agindo para trazer de volta o seu povo para o tronco principal, que é Cristo.

Os ossos se achegaram, osso ao seu osso – Cada osso tinha que encontrar outro que fosse seu complemento, não poderiam ser iguais, senão o exército ficaria deforme. Essa complementação diz respeito a nossa unidade, nós nos complementamos e não ocupamos o lugar que pertence ao outro. O próximo passo depende da junção dos ossos aos seus pares.

Eis que vieram nervos sobre eles, e cresceu a carne, e estendeu-se a pele sobre eles por cima, mas não havia neles fôlego – Quando os ossos se complementaram o Senhor começou a dar uma nova forma aquele exército de ossos. Os nervos, a carne e a pele era a exteriorização da vida, agora eles estavam prontos para serem identificados como pessoas, mas ainda faltava algo importante. O exterior revela a nossa natureza humana, mas se não houver o espírito de vida seremos um grande exército inanimado, passivo e sem forças (bons músicos, pregadores, etc.).

4.      UM GRANDE E PODEROSO EXÉRCITO SEM VIDA

A segunda profecia (v. 9) não é para os ossos secos, mas uma invocação ao Espírito Santo. É uma oração profética, invocando a vida que há no Espírito sobre os ossos secos, dos quatros cantos da terra o Espírito sopraria sobre a morte trazendo vida.

Então o fôlego de vida entrou neles e viveram, e se puseram em pé, um exército grande em extremo – Quando veio o espírito houve vida. Foi a presença do espírito que os colocou em pé. Podemos ter boa aparência como cristãos, mas se não tivermos o Espírito de Deus em nós não teremos vida, não seremos grandes, não seremos poderosos e não venceremos.

O fôlego de vida entrou neles viveram – Os milhares de corpos sem vida caídos no chão começam a receber o Espírito, um a um, todos recebem o Espírito. Seus olhos são abertos, seus ouvidos estão atentos ao comando de voz do profeta, suas mãos e pés começam a se movimentar, eles sentem seus nervos se movendo.

  • A vida trouxe de volta a visão, a audição, a percepção, a fala, os sentimentos, etc.;

Puseram-se de pé – Um exército não luta deitada e inerte, não basta ter a vida (espírito) é preciso ficar em pé para marchar. A igreja deve entender que a sua missão inclui marchar contra os principados e potestades, avançar contra as portas do inferno que não prevalecem diante do exército poderoso do Senhor (Mateus 16.18). É tempo de nos levantarmos para a grande peleja que está adiante de nós;

Era um exército enorme – O Senhor mostrou ao profeta que havia um exército que recebera de volta a vida para lutar, era a segunda chance para aqueles valentes que um dia morreram na batalha e agora receberam de volta a vida.

  • Há milhares de pessoas mortas espiritualmente em todo o mundo, elas morreram em batalhas espirituais, não resistiram durante a batalha. Essas pessoas são como ossos secos sem vida.
  • Nós podemos trazê-las de volta a vida os mortos espirituais, para que isso ocorra precisamos profetizar. Ouça a voz do Senhor dizendo: “Filho do homem, profetiza…”

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s