Melhor ter para dar do que receber


Paulo, embora fosse ministro do evangelho, trabalhava duro para se sustentar e até mesmo a outros irmãos. Ele desejava estar numa posição que pudesse ajudar ao invés de ser ajudado. Ele trabalhava para não ser dependente ou para que ficasse em dívida com alguém.

Ao agir desse modo, Paulo poderia ministrar aos outros sem que alguém o acusasse de qualquer interesse econômico. Ele trabalhou como fabricante de tendas, mas essa não era a sua ocupação antes de se converter a Cristo, agora ele era ministro do evangelho e mesmo assim não quis causar despesas para as igrejas. “É MAIS FELIZ QUEM DÁ DO QUE QUEM RECEBE”

Atos 20.33-35 – Não cobicei nem a prata, nem o ouro, nem as roupas de ninguém. 34 Pelo contrário, vocês sabem que eu trabalhei com as minhas próprias mãos e consegui tudo o que eu e os meus companheiros de trabalho precisávamos. 35 Em tudo tenho mostrado a vocês que é trabalhando assim que podemos ajudar os necessitados. Lembrem das palavras do Senhor Jesus: “É mais feliz quem dá do que quem recebe.”

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s