Promovendo o discipulado


A melhor maneira para aprendermos algo é estudando e praticando. Para alcançarmos o êxito precisamos ter habilidades e recursos: as habilidades podem ser adquiridas estudando e praticando; os recursos são alcançados através de pessoas.

Em Mateus 16.13-18 Jesus pergunta aos discípulos sobre o que as pessoas e os discípulos pensam sobre ele. Parafraseando essas palavras eu pergunto: O que é a igreja? Sobre quais plataformas a igreja deve estar? Mateus 22.37,39; 28.19. Eu vejo três plataformas: Amor a Deus; Amor às pessoas; Formar discípulos.

Em primeiro lugar a igreja deve ser o lugar de adoração a Deus. Mas, que tipo de igreja nós estamos edificando? Alguns cristãos agem como Pilatos, eles lavam as mãos preferindo serem amigos de Cesar a serem amigos de Jesus Cristo. A igreja atual não deseja ter compromisso com a cruz. Amar a Deus é estar disposto entregar sua própria vida a Ele e por Ele.

Em segundo lugar a igreja deve salvar os perdidos, ela compartilha a sua fé com outras pessoas. A igreja não pode estar focada em construções físicas enquanto pessoas morrem todos os dias sem ouvir falar do amor de Deus. Crianças, jovens e adultos morrem diariamente na perdição, não há um braço que se estenda para resgatá-los.

Em terceiro lugar a igreja é como um exército que treina seus soldados para as batalhas. Cabe a igreja, principalmente aos líderes ensinar os novos conversos como orar, adorar, servir a Deus em todas as áreas.

Em quarto lugar a igreja deve amar o seu próximo, significa falar face a face com as pessoas e expressar o verdadeiro amor com que Cristo nos tem amado – se você não tiver coisas boas para dizer prefira o silêncio, fale do amor se realmente você tiver amor em seu coração.

Em quinto lugar a igreja deve ter uma mentalidade global e contemporânea, nunca local e retrógada – se você planeja alcançar o mundo deve manter entre seus documentos pessoais o seu passaporte atualizado, a qualquer momento você poderá ir, pois o teu alvo não é o seu Bairro ou País apenas, o teu alvo é o mundo. Aos líderes eu afirmo que para ser um discipulador você precisa ter uma equipe pastoral, treinar e ser treinado continuamente. A missão global exige falar outros idiomas e melhor utilização do seu tempo com treinamentos, aprendizados, entre outras coisas.

Como funciona a igreja e o que queremos fazer?

Uma das coisas que me preocupa é o evangelho do decreto, eu observo pessoas dizendo nos altares “eu decreto isso e aquilo, etc”, às vezes não há qualquer coerência naquilo que estão decretando se arriscam dizendo coisas que Deus jamais falaria segundo as escrituras. Essas pessoas distorcem o evangelho e causam confusões mentais nas pessoas – se você deseja decretar alguma coisa no mundo espiritual e físico prime pela coerência, decrete metas inteligentes que sejam bíblicas e possíveis, exemplos:

  • Tenha uma meta específica, plausível. Crescer é diferente de multiplicar;
  • Tenha uma meta que possa ser medida e comparada;
  • Tenha uma meta que seja relevante;
  • Tenha uma meta alcançável;
  • Tenha uma meta estabelecida por um limite de tempo, um prazo para conclusão.

Procure identificar ao menos três pessoas em seu círculo de amizades que você possa discipular (Ex. Pedro, Tiago e João), se não tiver alguém peça a Deus que coloque pessoas em tua vida que precisam ser discipuladas. Dedique-se por um ano à vida de alguém, exemplo da parábola da figueira (Lucas 13.8,9) – Mas o empregado respondeu: “Patrão, deixe a figueira ficar mais este ano. Eu vou afofar a terra em volta dela e pôr bastante adubo. 9 Se no ano que vem ela der figos, muito bem. Se não der, então mande cortá-la.”

Discipular alguém exige que você tenha preparação, faça o curso para discipuladores em tua igreja, leia a Bíblia, participe das reuniões de ensino, pergunte sempre que tiver dúvidas. Não se esqueça de ter um mentor para te ajudar quando precisar, quem não se habilita aprender, jamais será um bom professor.

Se você deseja ser um discipulador comece a orar e pedir para Deus te ajudar. Tenha um mapa global de oração pelos cristãos espalhados no mundo, sempre que possível ore com mais alguém, ore uns pelos outros, ore pela sua Cidade, se você não for capaz de orar pelo seu irmão como poderá amá-lo?

* Resumo da ministração do Pastor Javier Spinoza na ADI Ministério Independência com Cristo – Barueri, São Paulo, Brasil nos dias 20, 21 de abril de 2016.

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s