Sejam meus seguidores e aprendam comigo


Mateus 11:29 – Sejam meus seguidores e aprendam comigo porque sou bondoso e tenho um coração humilde; e vocês encontrarão descanso.

Pois eu dei o exemplo para que vocês façam o que eu fiz. 16 Eu afirmo a vocês que isto é verdade: o empregado não é mais importante do que o patrão, e o mensageiro não é mais importante do que aquele que o enviou. 17 Já que vocês conhecem esta verdade, serão felizes se a praticarem. 18 – Não estou falando de vocês todos; eu conheço aqueles que escolhi. Pois tem de se cumprir o que as Escrituras Sagradas dizem: “Aquele que toma refeições comigo se virou contra mim”. 19 Digo isso a vocês agora, antes que aconteça, para que, quando acontecer, vocês creiam que “EU SOU QUEM SOU”. 20 Eu afirmo a vocês que isto é verdade: quem receber aquele que eu enviar estará também me recebendo; e quem me recebe, recebe aquele que me enviou. João 13:15-20

No texto de Mateus, Jesus convida a todos que queiram aliviar suas cargas e receber o descanso na alma para segui-lo e aprender com Ele.

No texto de João, Jesus ensina aos discípulos sobre humildade, serviço e liderança na perspectiva do Reino de Deus. Ele ordena que os discípulos sigam o seu exemplo. Do mesmo modo que ele lavou seus pés, os discípulos deveriam estar dispostos a servir uns aos outros.

  1. No Reino de Deus não existe diferentes categorias de discípulos, todos são iguais, cada um representando seu papel, verso 16 – o empregado não é mais importante do que o patrão, e o mensageiro não é mais importante do que aquele que o enviou.
  2. Os discípulos já conheciam a verdade através dos ensinamentos de Jesus. A felicidade dos seguidores de Jesus é alcançada quando todos conhecem e praticam as verdades do Reino de Deus.
  3. Os discípulos deveriam ser um modelo perfeito de Cristo. As pessoas deveriam enxergar nos discípulos a pessoa do Cristo, do mesmo modo que os discípulos foram capazes de enxergar em Cristo o próprio Deus.

Assista o vídeo desta mensagem, colabore com o nosso Ministério. Inscreva-se em nosso canal no YouTube

ALGUNS EXEMPLOS DE JESUS QUE DEVEMOS SEGUIR:

Ser um discípulo de Jesus exige renúncia as regras humanas que remetem a velha natureza adâmica. Trata-se de uma mudança de dentro para fora. II Coríntios 5:17 – Quem está unido com Cristo é uma nova pessoa; acabou-se o que era velho, e já chegou o que é novo.

Jesus exige mais do que discursos, é preciso ter coragem e atitude para mudar de vida. Mateus 16:24-26: Então Jesus disse aos seus discípulos: Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me. 25 Pois quem quiser salvar a sua vida[78], a perderá, mas quem perder a sua vida por minha causa, a encontrará. 26 Pois, que adiantará ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Ou, o que o homem poderá dar em troca de sua alma?

  • As pessoas estão indo para o inferno, não porque Deus deixou de amá-las; mas, porque rejeitam o Seu amor que exige mudança de vida, do interior para o exterior.
  • A geração que afirma que Deus é amor, mas não se submete a esse amor, não pode ser qualificada como discípulos de Jesus.
  • Ser um discípulo é viver como Cristo, pensar como Cristo, agir como Cristo … ser uma representação perfeita do próprio Cristo, verso 17Já que vocês conhecem esta verdade, serão felizes se a praticarem.

Vejamos 09 exemplos ensinados por Jesus. Você poderá encontrar muitos outros estudando o Novo Testamento, principalmente os quatro Evangelhos.

  1. Ele era atencioso com as pessoas, independentemente da condição ou posição em que se encontravam. Quem seria capaz de parar para ouvir um homem atormentado, cheio de espíritos malignos? Jesus parou, dialogou e libertou o homem dos maus espíritos. O homem liberto tornou-se um discípulo através do seu testemunho pessoal.
    • Marcos 5:1,2,18,19 – Jesus e os discípulos chegaram à região de Gerasa, no lado leste do lago da Galiléia. 2 Assim que Jesus saiu do barco, foi encontrar-se com ele um homem que estava dominado por um espírito mau. 18 Quando ele estava entrando no barco, o homem curado pediu com insistência: – Me deixe ir com o senhor! 19 Mas Jesus não deixou e disse: – Volte para casa e conte aos seus parentes o que o Senhor lhe fez e como ele foi bom para você.
  1. Ele rompeu a barreira do preconceito e da discriminação social quando salvou uma mulher apanhada em adultério. O seu coração era amoroso e justo. Ele protegeu a mulher, embora não concordasse com o seu pecado.
    • João 8:10, 11 – Então Jesus endireitou o corpo e disse: – Mulher, onde estão eles? Não ficou ninguém para condenar você? 11 – Ninguém, senhor! – respondeu ela. Jesus disse: – Pois eu também não condeno você. Vá e não peque mais!]
  1. Ele era portador de boas notícias. O seu coração era evangelístico. Ele ia ao encontro das pessoas, a fim de anunciar a chegada do Reino de Deus, jamais para condená-las por seus erros. Antes de julgar as pessoas, elas precisavam conhecer o significado do Reino de Deus e aceitá-lo no coração.
    • Mateus 9:35,36 – Jesus andava visitando todas as cidades e povoados. Ele ensinava nas sinagogas, anunciava a boa notícia sobre o Reino e curava todo tipo de enfermidades e doenças graves das pessoas. 36 Quando Jesus viu a multidão, ficou com muita pena daquela gente porque eles estavam aflitos e abandonados, como ovelhas sem pastor.
  1. Ele tinha uma boa percepção das pessoas e do ambiente. Enquanto a multidão reprova a conduta de Zaqueu, Jesus se convida para entrar em sua casa. Lucas 19:5-7,9-10 – Quando Jesus chegou àquele lugar, olhou para cima e disse a Zaqueu: – Zaqueu, desça depressa, pois hoje preciso ficar na sua casa. 6 Zaqueu desceu depressa e o recebeu na sua casa, com muita alegria. 7 Todos os que viram isso começaram a resmungar: – Este homem foi se hospedar na casa de um pecador! 8 Mas Zaqueu levantou-se e disse ao Senhor: “Olha, Senhor! Estou dando a metade dos meus bens aos pobres; e se de alguém extorqui alguma coisa, devolverei quatro vezes mais”. 9 Jesus lhe disse: Hoje houve salvação nesta casa! Porque este homem também é filho de Abraão. 10 Pois o Filho do homem veio buscar e salvar o que estava perdido.
  2. O seu compromisso era com a verdade, ele nunca mentiu ou omitiu a fim de agradar as pessoas. Ele chamou os religiosos de filhos do diabo (João 8:44); ele disse que o reino de Deus pertencia a uma classe de pessoas excluídas pela sociedade religiosa da época; falou que para entrar em Seu reino as pessoas deveriam ser como as crianças; ele chamou seu discípulo Pedro de satanás.
    • João 14: – Jesus respondeu: – Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém pode chegar até o Pai a não ser por mim.
  1. Ele sabia qual era o seu propósito de vida na terra. Diante de um sistema religioso que escravizava as pessoas, ele estava focado em trazer uma nova vida para quem aceitasse a sua palavra.
    • João 10:10 – O ladrão só vem para roubar, matar e destruir; mas eu vim para que as ovelhas tenham vida, a vida completa.
  1. Ele dava valor as verdadeiras amizades. Os discípulos não eram apenas seguidores, mas amigos. Ele curou a sogra de Pedro; chorou quando Lázaro morreu; socorreu e proveu aos discípulos e prometeu estar conosco todos os dias.
    • João 15:14,15 – Vocês são meus amigos se fazem o que eu mando. 15 Eu não chamo mais vocês de empregados, pois o empregado não sabe o que o seu patrão faz; mas chamo vocês de amigos, pois tenho dito a vocês tudo o que ouvi do meu Pai.
  1. Ele optou pelo perdão diante dos sofrimentos impostos pelos seus opressores. Mesmo sofrendo humilhação e açoites, ao invés de odiá-los pelo mal que lhe faziam, Jesus orou pedindo perdão por eles.
    • Lucas 23:34 – [Então Jesus disse: – Pai, perdoa esta gente! Eles não sabem o que estão fazendo.] Em seguida, tirando a sorte com dados, os soldados repartiram entre si as roupas de Jesus.
  1. Ele escolheu seus discípulos e estabeleceu uma missão comum para todos. O IDE é a missão de todo discípulo de Jesus, é o nosso dever anunciar o evangelho, ensinar e multiplicar o número de discípulos, até que Cristo volte.
    • João 15:16 – Não foram vocês que me escolheram; pelo contrário, fui eu que os escolhi para que vão e deem fruto e que esse fruto não se perca. Isso a fim de que o Pai lhes dê tudo o que pedirem em meu nome. João 15:14-16

Seja um mantenedor deste Ministério

Ajude-nos a levar o evangelho para quem precisa ser alcançado e a contribuir para o ministérios dos pregam a Palavra de Deus. Inscreva em nosso canal no Youtube.com/IndependenciaCristo

R$100,00

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s