A pessoa que agrada a Deus


Davi (I Samuel 16:1-12) é um dos principais personagens bíblicos no Antigo Testamento. A sua história é contada por gerações e apesar das suas quedas, ele é visto como uma pessoa segundo o coração de Deus pelo próprio Deus, Atos 13:22 – Depois que tirou Saul, Deus pôs Davi como rei e disse isto a respeito dele: “Encontrei em Davi, filho de Jessé, o tipo de pessoa que eu quero e que vai fazer tudo o que eu desejo.”

O que torna uma pessoa segundo o coração de Deus? Características de uma pessoa segundo o coração de Deus:

  1. É uma pessoa responsável, que cumpre as tarefas que lhe são atribuídas
  • Davi permaneceu no campo, cuidando das ovelhas, quando Samuel foi ungi-lo Rei e esperou ser chamado por seu pai. Enquanto os irmãos de Davi estavam em casa recepcionando o profeta Samuel, Davi estava no campo trabalhando, cuidando das suas ovelhas. Quem é segundo o coração de Deus não precisa se preocupar em aparecer, quando chega a hora Deus o chama aonde estiver, I Samuel 16:11.
  1. É uma pessoa que está preparada para qualquer situação ou ambiente.
  • Davi foi considerado um jovem valente, bom soldado, se comunicava bem, gentil, tinha bons modos e cuidava da aparência. I Samuel 16:18.
  1. Tem a graça de Deus. Não é impulsivo, antes de tomar uma decisão procura ter conhecimento.
  • Embora Davi fosse um rapaz de boa aparência, o que atraia as pessoas até ele, eram suas qualidades, boas maneiras e simpatia. Ela não se intrometia em questões alheias e evitava contendas, não se impunha pela força, I Samuel 17:28-30.
  1. É humilde, simples e não se ensoberbece
  • Quando o rei ofereceu a filha em casamento à Davi, ele se mostrou uma pessoa equilibrada e sensata. Esse é o comportamento da pessoa segundo o coração de Deus, sabe que tem a promessa e foi ungido para um propósito, mas não se deixa enganar pelas boas ofertas. Prefere dar um passo de cada vez para não cair nos laços da soberba. I Samuel 18:17-18, 21-23.
  1. Assume a responsabilidade pelos seus atos
  • Quando Davi foi repreendido por Natã por ter cometido um pecado, Ele se arrependeu e assumiu sua culpa, II Samuel 12:13.
  • Davi confessou o seu pecado e alcançou o perdão recebido. Muitos cristãos preferem culpar os outros pelo esfriamento espiritual da Igreja, ao invés de assumir sua culpa, salmos 32:3-5.
  1. É fiel a sua palavra. Ele espera pacientemente o momento certo para cumprir suas promessas. É prudente.
  • Quando Jonatas livrou Davi das mãos de Saul, concedendo-lhe fuga, ambos fizeram um pacto. Quinze anos após a morte de Jonatas, Davi lembrou-se do pacto e restituiu todos os bens da casa de Saul e Jonatas a Mefibosete, II Samuel 9:1,3,6-9.
  1. É cheio de fé
  • O exemplo de Davi enfrentando Golias é um exemplo de fé. Ele olhava para o gigante sob a perspectiva de Deus que é maior do que o gigante. I Samuel 17:40,46.
  • Se você é uma pessoa segundo o coração de Deus, não deve temer os gigantes em sua vida. Creia no que Deus te prometeu, Isaias 43:13.
  1. É conhecedor das coisas espirituais e valoriza a unção de Deus sobre si e os outros.
  • Davi aprendeu valorizar as coisas espirituais. Saul tentou matá-lo muitas vezes, mas ele recusou-se fazer mal a Saul porque o reconhecia como ungido de Deus e sabia o valor da unção. I Samuel 24:4-6.
  • Muitos cristãos não se respeitam, caluniam, falam mal de seus pastores e líderes, esquecendo que a unção do pastor é sacerdotal. Cada pastor responde por si a Deus e é Deus que o julgará, Romanos 14:12,13.
  1. É generoso, tem prazer em contribuir para a obra de Deus.
  • Davi entendia o valor espiritual das ofertas. Para ele, a oferta deveria ser liberal e voluntária, porém requer esforço e desprendimento, II Samuel 24:20-24.
  • Como Rei, Davi ofereceu uma oferta substancial para a construção do Templo, I Crônicas 29:1-10. Ele não construiu o templo, mas deixou tudo pronto para o seu sucessor Salomão.
  • Para Deus, o que vigora não é a quantidade, mas a qualidade da oferta. Jesus ensinou que para Deus não se oferece resto ou sobra, Marcos 12:41-44.
  1. É um verdadeiro adorador
  • Adorar significa prestar culto, louvar, elogiar e agradecer. É entender que Deus é o autor da vida e Senhor dos céus e da terra. Depois de receber as ofertas para a construção do Templo, o rei Davi se alegrou com o povo e adorou a Deus, I Crônicas 29.11,12.
  • Davi sempre adorava a Deus, os salmos são exemplos de adoração (34.1; 71.8; 100), suas canções incentivam a todos os povos que adorem ao Senhor (Sl 29.1; 68.4; 96.9). Pessoas de diferentes raças procuram a Deus, mas Deus procura apenas uma classe de pessoas: os verdadeiros adoradores, João 4.23,24.

Você se considera uma pessoa segundo o coração de Deus?

Se pudesse ouvir claramente a voz de Deus falando a teu respeito, o que acha de Ele diria?

O testemunho de Davi, apesar das suas falhas, foi reconhecido e elogiado por Deus porque o seu coração era segundo o coração de Deus, Atos 13:22 ARA.

Seja um mantenedor deste Ministério

Ajude-nos a levar o evangelho para quem precisa ser alcançado e a contribuir para o ministérios dos pregam a Palavra de Deus. Inscreva em nosso canal no Youtube.com/IndependenciaCristo

R$100,00

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s